Como fazer um black power (ou red, no meu caso)

[POST ATUALIZADO ÀS 16H07 sobre a durabilidade do negócio]

E daí vamos mudar um pouco de assunto, né?

Pois sábado, como contei, foi casamento do Pepê, diretor de criação e um dos sócios da Agência onde trabalho. Premiado, Pepê saiu da NEOGAMA para depois vir parar aqui. Ele se casou com outra publicitária, a Mariana, que também é de uma agência famosona. Ou seja: hype e requinte juntos em um único lugar.

Queria estar bonita, vestido bacana, penteado ok… Mas quem me conhece, sabe que não sou convencional com roupas… E bem, resolvi ousar. Primeiro porque não iria ofuscar a noiva, já que 90% dos convidados não me conheciam (não dá pra fazer isso no casamento da minha irmã, por exemplo); segundo porque os convidados não achariam estranho, uma aberração.

Incentivada pelas cabeleireiras dos salão que frequento, resolvi que um “red power” seria o penteado da vez. E lá fui eu.

Foram quatro horas entre trancinhas, prancha, babyliss, pente e laquê, muito laquê, mas, sem dúvida, meu cabelo fez O MAIOR SUCESSO entre os convidados. Tirei foto com desconhecidos e tudo mais. Adorei o resultado e, para desespero do Diogo, não vejo a hora de repetir o visual.

Para completar, vestido Maria Valentina – verão 2012, scarpin Vizzano e meia preta, além do colar de pérolas que ganhei da Zenaide.

As fotos, pena, não ficaram 100%, mas dá pra ter uma noção do resultado:

EM TEMPO, GENTE: É lavou saiu, viu? Mal coloquei a cabeça debaixo d’água que, sem condicionador mesmo os fios já ficaram lisinhos de tudo.

Advertisements
Tagged ,

ځواب دلته پرېږدئ

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / بدلون )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / بدلون )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / بدلون )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / بدلون )

Connecting to %s

%d bloggers like this: